Palocci diz que Lula agia diretamente em pedido de propina

11 de Setembro por Marina Dias | Folhapress

Ex-ministro prestou depoimento no âmbito da Operação Greenfield, deflagrada em 2016

Foto: Antonio Cruz/ ABr

Em depoimento no âmbito da Operação Greenfield, o ex-ministro Antonio Palocci afirmou que o ex-presidente Lula agiu diretamente no pedido de propina.

Em um dos trechos revelados pelo Jornal Nacional, o ex-ministro diz que o comportamento do ex-chefe do Palácio do Planalto começou a mudar a partir da descoberta do pré-sal. no segundo mandato do seu governo.

“O presidente Lula começa a se descuidar da parte legal de sua atuação como presidente, passa a atuar diretamente no pedido de propina”, declarou Palocci.

O ex-ministro acrescentou: “Ele [Lula] sempre soube que tinha ilícito e sempre apoiou as iniciativas de financiamento de campanha etc. Mas, no caso do pré-sal, ele começou a ter uma atuação pessoal”.

Deflagrada no Distrito Federal em 2016, a Operação Greenfield investiga fraudes em fundos de pensão, no FGTS e na Caixa Econômica Federal.


Deixar um comentário

Notícias Relacionadas