Pacto: Rui conclama líderes da sociedade a ajudar a superar a violência

Pacto: Rui conclama líderes da sociedade a ajudar a superar a violência

Foto: Carol Garcia/ GOVBA
O governador Rui Costa (PT) aproveitou a presença de líderes religiosos na reunião do Comitê Executivo do Programa Pacto pela Vida, nesta quarta-feira (8), para conclamar as religiões a discutir e ajudar a superar a violência. “Todos os líderes da sociedade podem e devem se envolver e ajudar a superar este quadro difícil da cultura da violência em nosso estado e nosso país”, declarou Rui, que disse ter a intenção de “replicar isso com outras lideranças da sociedade”. O governador aproveitou a oportunidade para falar sobre o ensino de religião nas escolas, já que considera importante discutir a história do catolicismo, das religiões protestantes e os valores e princípios espíritas. “Não tenho a intenção de transformar a escola em um instrumento para cooptar as pessoas para as religiões. O que pretendemos proporcionar é conhecimento e reflexão para essa juventude, que deve discutir filosofia e referências de vida”, acrescentou o governador. Esta ideia é defendida pelo representante espírita João Neves da Rocha, para que o aluno seja estimulado na tolerância e compreensão da igualdade do ser humano, ao invés da divergência e competição. André Luiz Nascimento dos Santos, da Casa de Oxumaré, sugeriu propostas à ideia de Rui, como articulação da trajetória do povo negro na educação e envolvimento dos templos religiosos como mediadores de políticas públicas. Na reunião do comitê, ocorrida na sede do Ministério Público, estiveram presentes representantes de órgãos de segurança pública, de secretarias estaduais, da Defensoria Pública e do Tribunal de Justiça da Bahia

‘Lula não é rei, ele teve comportamento de bandido’, diz Caiado após processo

por Isadora Peron | Estadão Conteúdo'Lula não é rei, ele teve comportamento de bandido', diz Caiado após processo

Foto: Gustavo Lima/ Câmara dos Deputados
Mesmo após o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ter entrado com um pedido de queixa-crime no Supremo Tribunal Federal (STF), o líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado (GO), voltou a criticar o petista e dizer que ele “não é rei” e havia tido um “comportamento de bandido”. Em nota, Caiado explicou que os tuítes que fizeram o ex-presidente abrir o processo contra ele aconteceram em fevereiro, depois de Lula dizer que João Pedro Stédile, líder do Movimento dos Sem Terra (MST), colocaria “seu exército” nas ruas para defender o governo da presidente Dilma Rousseff. “Essa situação ocorreu no mês de fevereiro, quando Lula se sentia o todo poderoso, quando ninguém tinha coragem de contestá-lo. Mas Lula tem que medir as palavras, não é comportamento de ex-presidente ameaçar a população, é comportamento de bandido. Ele não é rei”, afirmou o senador. Na época, Caiado escreveu em sua conta no Twitter que a atitude de Lula criava “instabilidade democrática” e era coisa “de bandido frouxo”. Para a defesa do ex-presidente, a postagem pode ser configurada como crime de calúnia e difamação. No documento, os advogados argumentam ainda que o tipo de afirmações feitas por Caiado extrapola a imunidade parlamentar e configura uma grave ofensa ao ex-presidente. Segundo o senador, ele ainda não foi notificado sobre o processo.

Justiça Determina por ordem Judicial, a reintegração de posse dos concursados demitidos pelo atual Prefeito A.Sampaio

Foto Arquivo

PREF IRAJUBA

Os servidores concursados, demitidos pelo Prefeito Antônio Sampaio (PP), cansados de esperarem por uma decisão definitiva da justiça para um problema que se arrastava há anos, podem comemorar porem agora, ele esta no fundo poço visto que o mesmo não estaria cumprindo determinação da justiça por reintegração de posse dos concursados, dispensados em janeiro de 2009. Os servidores teriam sido aprovados em concurso público promovido pela Prefeitura, na gestão do ex-prefeito e opositor de Sampaio, Humberto Franco – Betão (PMDB).

Foto Reprodução

DR WALMIRAL PACHECO                                                                                         Dr.Walmiral Pacheco

Dr.Walmiral Pacheco, representante legal dos concursados em contato com o blogcafenobule.com.br o mesmo afirma que após ter ingressado com uma Ação de ANULAÇÃO DE PROCESSO ADMINISTRATIVO E DECRETO N 069/90, COM CONDENAÇÃO EM REINTEGRAÇÃO DE CARGO E PAGAMENTOS DE VENCIMENTOS ATRASADOS  COM TUTELA EM FACE CONTRA O MUNICÍPIO DE IRAJUBA. o mesmo não tinha duvida em que a Dra. CAROLINE ROSA DE ALMEIDA VELAME VIEIRA; Juiza Substituta, da comarca de santa Inês Bahia, viesse acatar a ação e determinar por ordem judicial , que oficie-se ao Prefeito Antonio Oliveira Sampaio para da imediato cumprimento a esta decisão datada do dia 10/06/2015

Alegaram os autores por terem ingressados no serviços público em Abril de 2005, através da aprovação no concurso de prova e títulos de 04/02/2005, e terem sido surpreendidos com a publicação dos decretos 046/09 e 069/2009, o primeiro visando a investigação da legalidade do citado certame e o segundo anulando o próprio concurso público,retirando so autores dos quadros quadro da adm Publica Municipal, que a meses já integravam, sob o fundamento de que o concurso publico responsável pela sua investidura no cargo elvado de vícios. Afirma que o gestor municipal, após a anulação do referido certame tem contratados seus aliados políticos, colocando na adm publica municipal , Sendo assim considerando que o Reu, em janeiro de 2015, propôs a reintegração imediata  de 16 dos 34 autores e na proporção de 01 por mês nos demais e que os 06 messes já se passaram o que teríamos hoje caso homologado houvesse na época o acordo, 22 reintegração, temos que o reu deixou de gastar nesse período com o  pagamentos dos salários dos autores  que seria reintegrados, sendo assim entendo justo hoje a reintegração imediata  de todos os autores.Fonte: sentença judicial em anexo.

Setença concursados irajuba cacauSETENÇA 01 IRAJUBA                                                                     setença gilvania irajuba

 

 

 

Copia setença gilvanis 02

 

 


Acm Neto autoriza obras para o programa Salvador Bairro a Bairro.

Foto Aquivo Fecebook
Foto de Claudio Tinoco.
Prefeito Acm Neto e Ver Claudio Tinoco

Hj pela manhã desta quarta-feira (8), o prefeito ACM Neto esteve acompanhado pelo Vereador Eraldo Tinoco e sua equipe, visitando o bairro de Pernambués onde foram autorizadas as obras de recapeamento asfáltico da Rua Edson Carneiro e o projeto de requalificação do final de linha, que vão melhorar muito o tráfego, sobretudo, dos ônibus, e o fluxo das pessoas na região de intenso comércio no bairro.Essas intervenções foram requeridas pelo aliado da base governista o Ver Claudio Tinoco (Dem). através dos requerimentos n° 293/2015 e n° 99/2013, conforme imagens anexas, e foram inseridas nas ações do recém-lançado programa Salvador Bairro a Bairro.O prefeito ainda solicitou a sua equipe maior atenção na execução da reforma da praça Arthur Lago, em frente ao Condomínio São Judas Tadeu, na Rua Tomaz Gonzaga, em Pernambués. A obra na praça está sendo realizada como contrapartida do Shopping Bela Vista. Esse é um importante ponto de convivência dos moradores de Pernambués e será também ordenado para evitar que o comércio informal tome o espaço da população.

Foto de Claudio Tinoco.
Foto de Claudio Tinoco.

Papa pede à América Latina que evite leis que estimulem a restrição de liberdades

Papa pede à América Latina que evite leis que estimulem a restrição de liberdades

Foto: Carlos Silva / Presidencia de la República
O papa Francisco fez nessa terça-feira (8), um apelo ao Equador e aos “povos latino-americanos”, para que evitem “a dolorosa memória de qualquer tipo de repressão, controle desmedido e restrição de liberdades” nas suas normas e leis. O sumo pontífice falou na Igreja de São Francisco de Quito, durante sua viagem à América Latina, que o levará também à Bolívia e ao Paraguai. Francisco destacou como o Equador e muitas outras nações da América Latina devem enfrentar novos desafios “que requerem a participação de todos os setores sociais”. “A migração, a concentração urbana, o consumismo, a crise da família, falta de trabalho, as bolsas de pobreza que geram incerteza”, bem como “tensões que constituem uma ameaça à convivência social”, foram alguns dos exemplos que apontou. O papa alertou que “as normas e leis, assim como os projetos da comunidade civil, devem procurar a inclusão, abrir espaços para o diálogo, ao encontro, e assim abandonar a dolorosa memória de qualquer tipo de repressão, controle desmedido e restrição de liberdade”. Para Francisco, a esperança de um futuro melhor para estes países começa pela criação de emprego e de crescimento econômico, “mas que não fique nas estatísticas macroeconômicas  e que [promova] um desenvolvimento sustentável que gere um consenso social, firme e coeso.”  Perante a audiência, o papa deu o exemplo de alguns países europeus, onde o desemprego juvenil se encontra entre 40 e 50%.  O sumo pontífice citou o fenômeno dos “nem nem”, jovens que nem estudam, nem trabalham e, perante a falta de trabalho, cedem a vícios, à tristeza, à depressão, ao suicídio ou envolvem-se em projetos de “loucura social”.

EXCLUSIVA: Ataque de Wagner a Neto anima petistas para 2016

Foto: Divulgação/Arquivo

jw                                            Ex Gov. Jaques Wagner chamou o prefeito ACM Neto de “falso”

surpreendente ataque dirigido pelo ministro da Defesa, Jaques Wagner, ao prefeito ACM Neto (DEM) teve o condão de animar a militância petista. Grande parte do partido acha que o governador Rui Costa (PT) tem sido excessivamente diplomático com o democrata. Por este motivo, as declarações de Wagner chamando o prefeito de “falso” geraram comemoração na legenda, onde a posição do ex-governador baiano reacendeu a expectativa de que ele possa se lançar candidato à sucessão municipal em 2016, quando Neto vai disputar a reeleição. “Tem prefeito que é só sorriso quando recebe investimento de um bilhão em mobilidade e depois ataca pelas costas quando inaugura obra local. Nosso governo seguirá investindo (…) sem se importar com o partido nem com a falsidade do abraço do prefeito”, disse o ministro. A declaração seria uma resposta ao fato de Neto ter feito discurso, durante a recente inauguração do Mercado de Periperi, no qual disse que a Prefeitura tem conseguido realizar obras na cidade porque não permite desvio de recursos como os registrados no mensalão e no petrolão.A candidatura de Wagner é vista como a única forma de o PT partir para a disputa em 2016 em Salvador realmente com competitividade. O partido não tem hoje candidato natural à Prefeitura e trabalha com a idéia de lançar vários nomes no campo da oposição como forma de levar a briga para o segundo turno e vencer o prefeito.


Em entrevista, Aécio diz que foi reeleito ‘presidente da República’

Em entrevista, Aécio diz que foi reeleito 'presidente da República'

Foto: Orlando Brito
O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, cometeu um deslize nesta terça-feira (7) durante um entrevista à Rádio Gaúcha e disse que foi reeleito “presidente da República” durante a convenção do PSDB no último domingo (5). “O que nós dissemos na convenção (do PSDB) desse domingo que me reelegeu presidente da República é de que o PSDB é um partido pronto para qualquer que seja a saída, inclusive a saída da presidente”, disse o tucano, derrotado nas eleições presidenciais no ano passado. A fala chamou a atenção dos repórteres da rádio que o corrigiram, mas o tucano evitou comentar sobre uma eventual candidatura em 2018. “Não, presidente do PSDB! Estamos longe de 2018. E o partido tem quadros muito qualificados. Temos o governador de São Paulo (Geraldo Alckmin), o senador José Serra. Temos que ter a responsabilidade de não antecipar cenários. Nem sabemos se a eleição será mesmo em 2018”, afirmou. No programa, o tucano comentou sobre a entrevista da presidente Dilma Rousseff ao jornal Folha de S. Paulo publicada nesta terça em que ela afirma que “não vai cair” e classificou a oposição que pede seu afastamento de “um tanto golpista”. As declarações da presidente ocorreram dois dias após a convenção nacional do PSDB que reconduziu Aécio à presidência da sigla.por Mateus Coutinho | Estadão Conteúdo

 


Planalto vê PMDB como maior risco para governo Dilma, diz coluna

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

TEMER                                                                                     vIce-presidente Michel Temer.

O núcleo do governo avalia que o PMDB é um “vácuo” na reação de Dilma Rousseff contra os movimentos para tirá-la da presidência. Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, os ministros e líderes acreditam que a adesão total do partido às articulações, lideradas pelo deputado Eduardo Cunha e pelo senador Renan Calheiros, é o maior risco para o mandato petista. Presidente do Senado, Calheiros teria dito a aliados que vai dar um novo “recado” a Dilma, adiando a votação das desonerações, além de deixar aberta a possibilidade de votar o reajuste para o Ministério Público. O motivo seria mostrar que o Palácio do Planalto continua sem credibilidade entre os parlamentares. Por causa dos conflitos com o senador e com Cunha, presidente da Câmara, petistas teriam procurado o ex-presidente José Sarney para tentar acalmar os caciques da legenda. “Ele já passou por algo parecido e sabe que há injustiças”, disse um senador petista. Mas a garantia do governo é o vice-presidente Michel Temer. “É ele quem tem de garantir o apoio”, diz um ministro. Dilma já teria deixado claro que quer sinais “inequívocos” de que ele está com ela.



Otto reconsidera e PSD não deve ter candidato a prefeito de Salvador em 2016

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

otto                                                                       Senador e presidente do PSD, Otto Alencar

O senador e presidente do PSD, Otto Alencar, recuou em relação à indicação de Alan Sanches às eleições municipais de 2016 em Salvador e deve não lançar candidato para a disputa do Palácio Thomé de Souza. Em entrevista ao Bahia Notícias, Otto sugeriu que a saída de Sanches da sigla “está certa”, ao dizer que o deixou “à vontade para tomar o caminho que quiser”. Se a escolha for pela desfiliação, Otto lamenta perder “um grande amigo, grande político, com grande militância” e “que pode ter ascensão para chegar a ser prefeito, alcançar cargos maiores”. O senador disse que respeitará a decisão de Sanches, que deve se desfiliar acompanhado de seu filho, o vereador de Salvador Duda Sanches, e usou uma reflexão bíblica para concluir resumir seu posicionamento. “Quando alguém faz uma coisa dessa natureza, mando sempre ler a bíblia na Carta de Paulo aos Romanos. É uma letra jurídica agora. Em Romanos, capítulo 2, define bem isso e diz algo mais ou menos assim: ‘Portanto, é indesculpável quando alguém julga o outro tendo feito a mesma coisa”, numa referência à própria saída do PP para fundar o PSD. Em janeiro, Alan Sanches se colocou como candidato do PSD à prefeitura de Salvador em 2016, o quefoi reiterado pelo senador Otto Alencar no mês seguinte. Com a saída de Sanches do partido, o PSD deve manter aliança com grupo do governador Rui Costa (PT) e do ex-governador Jaques Wagner (PT). “A aliança deu certo em 2010, deu certo em 2012, deu certo em 2014, vai ter que dar certo em 2016 e em 2018. O time está jogando e está ganhando, não pode mexer. Então, tem que procurar conversar, chegar a entendimento”, declarou. O presidente do PSD, no entanto, não deu certeza sobre a aliança porque o momento ainda não exige decisões.