MPF reforça pedido de condenação de Lula em processo na Lava Jato

Quinta feira, 04 de Setembro por Juliana Ribeiro em Política /Foto: Reprodução/Ricardo Stuckert

Pedido é relativo ao processo que envolve a compra de um terreno para a construção da nova sede do Instituto Lula

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou as alegações finais para o segundo processo contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Operação Lava Jato, relativo ao terreno onde seria construído o Instituto Lula.

No documento, os procuradores reforçaram o pedido de condenação sobre a ação penal que apura se o ex-presidente recebeu um apartamento vizinho ao dele, em São Bernardo do Campo, como propina. A defesa do ex-presidente foi intimada para apresentar suas alegações finais, o que caracteriza o último trâmite do processo antes da sentença do juiz.

No pedido, o MPF pede que Lula seja condenado por corrupção passiva qualificada e lavagem de dinheiro e reforçaram também o pedido de condenação de Marcelo Odebrecht, por corrupção ativa, do ex-ministro Antonio Palocci, pelo crime de corrupção passiva qualificada, e de Branislav Kontic, ex-assessor de Palocci, por corrupção passiva qualificada.


Deixar um comentário

Notícias Relacionadas