Em sermão, Papa Francisco sugere que é melhor ser ateu do que católico hipócrita

Quinta, 23 de Fevereiro por Camila Matos//Foto: Angelo Carconi/ Ansa/ Agência Lusa

papa-agosto-2016

O Papa Francisco voltou a criticar católicos nesta quinta-feira (23). O pontífice sugeriu que é melhor ser ateu do que um dos “muitos” seguidores do catolicismo que levam uma “vida dupla” e “hipócrita”. Os comentários foram feitos em sermão de missa privada matinal em sua residência. “É um escândalo dizer uma coisa e fazer outra. Isto é uma vida dupla. Existem aqueles que dizem ‘sou muito católico, sempre vou à missa, pertenço a isto e a esta associação”, disse Francisco, que é o chefe da Igreja Católica Romana, segundo transcrição da Rádio Vaticano. O papa prosseguiu. “Há muitos católicos que são assim e eles causam escândalos. Quantas vezes todos ouvimos pessoas dizerem ‘se esta pessoa é católica, é melhor ser ateu'”, criticou. Desde que foi eleito em 2013, Francisco tem se notabilizado por declarações críticas às práticas de católicos e pregar que, tanto padres quanto membros não ordenados, pratiquem o que a religião prega. Em menos de dois meses após sua eleição, ele disse que os cristãos devem ver ateus como pessoas boas caso eles sejam boas pessoas.


Comentários fechados.

Notícias Relacionadas