Eike pode fazer delação nos moldes da Odebrecht, diz coluna

Sábado, 17 de Junho, por Camila Matos //Foto: Reprodução/Fatos Desconhecidos

De acordo com a Radar On-Line, da revista Veja, ex-executivos do grupo X têm conversado com advogado sobre uma possível colaboração coletiva

O grupo X, leia-se Eike Batista, pode fechar acordo de delação coletiva com a Procuradoria-Geral da República (PGR). A colaboração seguiria o formato escolhido por empresas como as empreiteiras Odebrecht e OAS. De acordo com a coluna Radar On-Line, do site da revista Veja, o advogado Fernando Martins tem conversado com ex-executivos do grupo X e as tratativas estão avançadas. Preso em Janeiro deste ano , Eike ficou por aproximadamente três meses recolhido ao Complexo Penitenciário de Bangu. Atualmente, cumpre prisão domiciliar  em sua mansão no Jardim Botânico, no Rio.


Comentários fechados.

Notícias Relacionadas