Itiruçu: Jovem de 23 anos morre após ser baleado pela PM;

Sexta, 28 de Abril , por Julliana Ribeiro Foto: Montegem -Blog Itiruçu Online 

Segundo informações  a Polícia diz que jovem atirou contra viatura

Um jovem de 23 anos morreu após ser baleado pela Polícia Militar de Itiruçu na noite desta sexta-feira (28). De acordo com informações do Blog Itiruçu Online  por volta das 18h15min a viatura da Polícia Militar havia se deslocado para fazer rondas no Bairros e recebeu uma denúncia de que o jovem estaria portando arma de fogo e, quando voltou e avistou o denunciado, a viatura foi alvejada com disparados de arma de fogo, sendo revidada a investida contra polícia, conseguindo os PMS balear o jovem com dois tiros, que chegou a ser socorrido pela própria PM ao Hospital Municipal Pedro Pimentel Ribeiro, onde não resistiu a faleceu. Na viatura da PM estão marcas de perfuração de tiros. Ainda de acordo informações da PM, com o jovem foi apreendida um revolver calibre 32, especial. O confronto ocorreu na Rua José Tranzibulo Nogueira, nas proximidades do Hospital. A vítima tinha três  registros de passagem pela polícia.

Confusão no hospital.

Inconformados com a morte do jovem, amigos e familiares pediam Justiça e hostilizaram a PM com gritos e vaias frente ao Hospital Municipal. Um homem chegou alvejar uma das viaturas com pedra, mas não acertou. Outros relatos de desacatos foram registrados. Foi preciso que a PM deflagrassem tiros para o alto para conter alguns manifestantes. Um jovem chegou a ser preso após ter sido revistado, mas tentou evadir do local, momento que foi recuperado pela PM e levado para ser atendido na Unidade Hospitalar. Temendo ação contra os policiais, as guarnições pediram reforço dos municípios vizinhos, recebendo as VTRs de Jaguaquara, Lafaiete Coutinho e a guarnição do PETO da 93ª CIPM.

Informações de familiares

Familiares e amigos da vítima afirmaram que o jovem Lucas Mateus estava em um salão na Rua citada, onde havia levado o filho para cortar o cabelo. No momento que foi alvejado estava na companhia do filho e de amigos, que ficaram chocados com a situação. Ninguém quis comentar o ocorrido para o Blog. O corpo será encaminhado ao Instituto Medico Legal de Jequié e posteriormente devolvido aos familiares para o sepultamento.

Fonte e informações via Blog parceiro Itiruçu Online

Falecida em Salvador Corpo de Stela Dubois, será sepultado amanhã, em Jaguaquara

Terça feira 18 de Abril por Juliana Ribeiro via Bmf
Professora Stela Dubois faleceu aos 78 anos. Foto: Arquivo familiar
Faleceu em Salvador, na madrugada desta terça-feira (18), onde realizava tratamento médico no Hospital da Bahia, há mais de dois meses, após ter sido acometida por enfermidade a professora Stela Dubois, aos 78 anos. Stelinha, que deixa filhos e netos, era filha dos professores Carlos Dubois e Stela Câmara Dubois; casal que ao lado dos filhos René, Stela e Emilie marcou a história do tradicional Colégio Taylor-Egídio e da Igreja Batista, além de ter sido fundador da Santa Casa de Saúde e Maternidade Maria José de Souza Santos-SBOTE,

O corpo da professora Stela Dubois, uma das históricas educadoras do município de Jaguaquara, de acordo com as informações do  BMFranh , o sepultamento será na quarta-feira, às 10h, no Cemitério Municipal do bairro Palmeira. O corpo será velado na Igreja Batista, na Avenida 2 de Julho, na Muritiba. A Prefeitura de Jaguaquara decretou luto oficial na cidade. Nascida na sede da Fazenda Bela Vista, em Jaguaquara, em 1938, Stelinha tem uma história que se confunde com a história do Colégio Taylor-Egídio. Filha de Carlos e Stela Dubois, ela sempre estudou no Taylor, da alfabetização ao curso de magistério de 1º grau. Assumiu a direção do colégio de 1993 a 2010, deixando um legado de amor e fé na vida de ex-alunos, professores e da comunidade jaguaquarense. Stela Dubois era Educadora, psicóloga e musicista. Em nota, a Convenção Batista Baiana lamentou o seu falecimento.


O Ex:Vereador Gil Moreno (PP) condenado pelo MPF por improbidade administrativa continua recebendo e exercendo suas funções na PMIrajuba

Segunda 17 de Abril por Juliana Ribeiro :Fotos Reprodução Ascom MPF

O Ministério Público Federal (MPF) em Jequié requereu à Justiça Federal, em 11 de setembro, a execução da sentença do ex presidente da Câmara de Vereadores de Irajuba/BA, a 299km da capital, e mais duas pessoas por improbidade administrativa. Entre os anos de 2003 e 2006,  Gilmar Santana Moreno, então Ex vereador e sua esposa, por terem fraudaram o recebimento de verba oriunda do “Bolsa Família”. Todos já foram condenados e a sentença transitou em julgado recentemente, não cabendo mais recurso.

Sendo assim após  O Ministério Público Federal (MPF) Requer a execução de sentença de improbidade administrativa, do ex presidente, onde o mesmo foi afastado conforme ter cumprido a determinação da sentença, em seguida os outros dois Réus já condenados no mesmo processo, o ex vereador, e atual servidor publico municipal, Gilmar Santana Moreno e esposa , ambos atualmente continuam exercendo as suas funções publicas, na Prefeitura Municipal, e os mesmos continuam recebendo os seus salários conforme consulta ao saite TCM | Pessoal, a mais de 30 meses, que chega ao montante em torno  de R$120,000,00 (Cento e vinte mil reais) mesmo após sentença transitado em julgado

PREFEITURA MUNICIPAL DE IRAJUBA
Consulta de Servidores Municipais – Periodo: Fevereiro /2017 (Dados processados em 17/04/2017 17:54:20) Os dados disponibilizados nesta consulta são declaratórios, informados ao Sistema Integrado de Gestão e Auditoria – SIGA e de responsabilidade das respectivas entidades
GILMAR SANTANA MORENO 827 Cargo Efetivo TECNICO ADMINISTRATIVO R$ 2.707,00 R$ 541,40 R$ 0,0
ADRIANA DE OLIVEIRA MORENO
1080
Cargo Efetivo
ASSISTENTE ADMINISTRATIVO
R$ 1.184,00
R$ 177,60
R$ 0,00 

A redação do blog em contato com o lider da oposição na câmara de Vereadores o Vereador: Jhonny Franco (PMDB) diz que, o que chama a atenção das denuncias impostas pelo MPF a Justiça federal é que a Em agosto de 2013 a Justiça condenou o Ex Vereador,Gilmar Santana Moreno  e esposa por enriquecimento ilícito e por atentar contra os princípios da administração pública, conforme artigos 9 e 11 da Lei 8.429/92. Entre as penalidades aplicadas na sentença estão a perda da função pública, a suspensão de direitos políticos por cinco anos, o pagamento de multa civil no valor de 50% do montante recebido irregularmente e a proibição de contratar com o poder público por cinco anos. Haja visto que até a presente data o atual Prefeito Jeronimo Santos (PSD) continua mantendo os dois réus em suas devidas funções publicas vindo de encontro com a determinação judicial conforme a lei. O vereador Jhonny Franco,  diz ainda que após cosultar a sua assessoria jurídica, vai solicitar junto a  mesa da câmara e os demais edis a fim de que as devidas providencia venha ser tomadas e encaminhada as autoridades competentes.

O Ex Vereador inconformado com situação, no ano de 2016 o mesmo, viabilizou a concorrer ao pleito eleitoral na eleições,  onde pleiteava voltar a câmara de vereadores e para sua surpresa na justiça Eleitoral ja constava que o mesmo estava  na lei da Fixa Suja:Justiça Eleitoral  indefere pedido de registro de candidatura de ex-vereador em Irajuba


Jaguaquara;Prefeito rebate promotor e diz que Prefeitura banca segurança pública no município

Quinta, 06 de Abril  por Julliana Ribeiro via Bmf //Foto:Foto: Reprodução Bmf

Depois de mais de duas horas de intensa abordagem sobre o tema: ”Segurança Pública”, onde ouviu discursos com críticas a classe política e duros comentários do promotor de Justiça, Lúcio Meira Mendes, de que sua amizade com o governador não trás benefícios para Jaguaquara, o prefeito da cidade, Giuliano Martinelli, por sua vez, ao fazer uso da tribuna, reagiu. Em tom de insatisfação, e rebateu o representante do MP. Vereadores da base aliada e membros do alto escalão municipal, presentes no plenário, até torciam para que, em seu discurso, Martinelli procurasse arrefecer o ambiente, mas o chefe do Executivo, reeleito em 2016, para seu segundo mandato, respondeu no mais tradicional toma lá, da cá. Giuliano disse que, se for fazer comparação com gestores de Estado, entre o atual e os que já passaram pelo governo, Jaguaquara não tem amigo nem inimigo. Citou o hospital estadual que foi municipalizado pelo então governador Paulo Souto, do grupo de ACM Neto, e hoje a população paga o preço. Segundo ele, a municipalização ocorreu numa época em que Jaguaquara tinha um prefeito que, era amigo do então governador Paulo Souto e que a decisão trouxe prejuízos ao Município. ”Quando se fala em amizade de prefeito com governador, Jaguaquara é órfão ou inimiga de todos os governadores. Num passado não muito distante, o prefeito da época era amigo do governador e de um grupo de oposição a Rui Costa, que era Paulo Souto, apadrinhado de ACM Neto e municipalizaram um hospital que era estadual, trazendo despesas para o município. Uma triste lembrança”, relatou. E continuou: ”Embora eu seja amigo do vice-governador eu fiz a minha parte” justificou, ao revelar que participou de audiências com o secretário de Segurança, com o comandante geral da PM e com o vice Leão e que se o reforço na segurança não chega não é culpa do Município e que a segurança é de competência do Estado. ”A caneta é do governador e não do prefeito”, rebateu, Continuar lendo (mais…)


Jaguaquara:Promotor diz que amizade do prefeito com governador atrapalha segurança

Quinta, 06 de Abril  por Julliana Ribeiro via Bmf //Foto:Foto: Reprodução Bmf

O discurso do promotor de Justiça, Lúcio Meira Mendes, na sessão da Câmara de Jaguaquara no noite desta quarta-feira (5), que debateu segurança pública, chamou a atenção pelas duras críticas direcionadas aos representantes políticos do Município, com alfinetadas ao governador Rui Costa, ao seu vice João Leão e ao deputado federal Cacá Leão, votados na cidade há anos. Segundo as informações do Blog Marcos Frahm, o prefeito Giuliano Martinelli, que acompanhava sentado o discurso do promotor, foi um dos principais alvos das críticas. O maior constrangimento ocorreu quando o promotor se referiu ao prefeito como amigo do governador e, apesar desses laços estreitos, os benefícios não chegam a Jaguaquara, inclusive no que se refere a área de segurança pública. Ao elogiar o trabalho da Cipe Central na região, e dizer que reconhece que a unidade instalada em Jequié é atuante, disse que sem o apoio político nada funciona e classificou o comandante da Cipe, Major Fábio Rodrigo, de amigo do governador, ao dizer que ”se tem um amigo do governador é o senhor, porque o prefeito passou vinte minutos numa rádio dizendo que era o melhor amigo do governador, ele e Lealdade [empresário da cidade e líder do PT local], mas não consegue trazer benefícios”, disse o promotor. Continuar lendo (mais…)


Irajuba:Mais uma vitória dos concursados no Superior Tribunal de Justiça em Brasília

Quinta, 30 de Março por Juliana Ribeiro/Foto: Reprodução APLB-Irajuba

Em Irajuba após 03 meses a frente do poder Executivo Municipal o Prefeito Jeronimo Santos (PSD), mesmo em época de crise vai enfrentar agora a herança maldita de seu aliado politico o Ex Prefeito Antonio Sampaio (PP) devido o mesmo ter demitido em 2009, cerca de 280  concursados cujo concurso foi realizado na gestão do Ex Prefeito Humberto Franco (Betão)

O Dr.Walmiral Pacheco, representante legal dos concursados (Precatórios de Irajuba) em contato com a redação do blogcafenobule.com.br, nesta quinta feira dia 30/03, diz que mais uma vitoria dos concursados no que já chegou a  fase final de um direito que os mesmos já vem lutando a anos, e face as ilegalidade decide tanto perpetradas pelo anterior gestor e pelo atual, certificando o transito em julgado o processo voltará, o qual o mesmo vai peticionar junto ao TJ/BA, onde será emitido ao precatório. em seguida o juiz fara a solicitação para o presidente do TJ BA , para que expeça o precatório.

O mesmo  nos informou dessa decisão onde em Brasília no Superior Tribunal de Justiça foi publicado em 28 de Março de 2017, PROCLAMAÇÃO FINAL DE JULGAMENTO: A TURMA, POR UNANIMIDADE, NÃO CONHECEU DO AGRAVO INTERNO, NOS TERMOS DO VOTO DO SR. MINISTRO RELATOR. Certidão de número 1812163, de código de segurança 262D.27AA.D1A5.B28D, gerada em 30/03/2017 12:34:42. Página 5 de 6 PETIÇÃO Nº 537019/2016 AGINT NO ARESP 974107; em 28 de Março de 2017, NÃO CONHECIDO O RECURSO DE MUNICIPIO DE IRAJUBA,POR UNANIMIDADE, PELA PRIMEIRA TURMA PETIÇÃO Nº 537019/2016 – AGINT NO ARESP 974107. Certifica, por fim, que o assunto tratado no mencionado processo é: Reintegração.

Click e veja – CERTIDÃO NO STJ NA ÍNTEGRA

CONSULTAR PROCESSO CONCURSADOS  VEJA DECISÃO MONOCRATICA  Ministra LAURITA VAZ no STJ favorável a respeito dos precatórios

O Dr.Walmiral Pacheco, diz deixar claro que na legislação vigente existe dois tipos de precatório, os precatório alimentares, que e o caso do referido processo onde é referente aos salários e tem preferencia comuns com organização da fila cronológica por ano  do que ainda existe a possabilidade na legislação com relação ao precatório alimentar a prioridade quando o credor estiver 60 anos ou mais, ou doença grave.

Matérias Relacionadas

Precatórios de Irajuba foram beneficiados com a vitória da PEC,que a OAB alcançou no STF, onde os mesmos serão pagos até 2020

Decisão no STJ favorável aos precatórios, podem afetar diretamente a administração Pública no Município de Irajuba


Jaguaquara: Chuva deixa desabrigados e alaga ruas; escola foi interditada

Quinta, 30 de Março por Juliana Ribeiro //Foto: Reprodução / Blog do MFrahm
A primeira-dama do Município e secretária de governo, Geisa Martinelli em visita aos locais atingidos

As chuvas que caíram em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, desabrigaram famílias e alagaram ruas e uma escola. As precipitações ocorreram nesta quinta-feira (29). Uma força-tarefa foi acionada pela prefeitura local e envolve todas as secretarias com limpeza de canais, retirada de entulhos e mapeamento dos pontos afetados. Segundo o Blog do Marcos Frahm, moradores do bairro Arco Íris ficaram desalojados. Uma escola no bairro Lagoa ficou ilhada com as chuvas, o que provocou a interdição temporária do local. A primeira-dama do Município e secretária de governo, Geisa Martinelli, visitou os locais atingidos e prometeu ações para minimizar os efeitos das chuvas, como aluguel social e distribuição de alimentos para os atingidos.


Jaguaquara:Prefeito Giuliano (PP) vai à Brasília em busca de recursos

Quarta, 29 de Março por Juliana Ribeiro //Foto Via Ascom/PMJ

Em Brasilia na Capital Federal, o prefeito reeleito Giuliano Martinelli (PP) hoje atual vice Presidente da (UPB/BA), está participando de audiências em ministérios, respaldado pelo deputado federal Cacá Leão(PP), juntamente com o Vice Prefeito, Nilton Santiago da Hora (PR) para a apresentação de projetos , na tentativa de angariar recursos para o município. O alcaide  esteve no Ministério das Cidades e se reuniu com o ministro Aguinaldo Ribeiro, solicitando do titular da pasta a destinação de recursos para obras na área de infraestrutura em Jaguaquara

Segundo informações através da Ascom/PMJ,  O chefe do Executivo Municipal, ao saber do ocorrido com as Chuvas que caíram hoje pela manhã no município, direcionou também ao Deputado Federal Cacá Leão a solicitação de emendas parlamentares para que mais projetos de drenagem e construção de encostas sejam destinados ao município.

JMartinelli , teve a preocupação de sinalizar para o Deputado,a urgência e a necessidade de continuar com as obras de drenagem uma vez que o município apresenta características topográficas propícias aos transtornos pós chuva.
Sempre atento às demandas, onde o mesmo diz estar comprometido com o futuro do município e por isso sua presença é de fundamental importância junto aos representantes das esferas governamentais Estadual e Feral para que ações possam ser direcionadas à Jaguaquara. O prefeito se encontra em  Brasilia desde ontem, (28/03) O alcaide fara peregrinação nos ministérios na Capital Federal até sexta-feira (20/09), onde retornará ao município com bos noticias. 

Fonte e informações via  Ascom /PMJ

Jaguaquara: Chuva chega após período de seca e causa alagamentos em vários pontos

Quarta, 29 de Março por Juliana Ribeiro Foto: Reprdoução

A cidade de Jaguaquara uma das maiores do vale do Jequiriça, a 350 km da capita do do Estado da Bahia, ainda sofre quando o assunto é chuva forte. Na manhã desta quarta-feira (29), mais uma vez a cidade ficou com as principais Ruas do centro, que é localizado na baixa, tomada pelas aguas pluviais. Por um período de 40 minutos, tempo que a cidade recebeu um grande volume de chuva, ninguém andava nem trafegava com veículos.

Apesar dos transtornos rotineiros em dias de chuva, a prefeitura da cidade, em  nota, diz que o Rio Casca, principal afluente das águas pluviais,  recebeu limpeza algumas semanas atrás, o que de acordo com a assessoria de comunicação,  foi essencial para que inundações fossem evitadas. Segundo diz a nota, minimizaram-se os casos de inundações, garantindo segurança para as famílias.

De acordo com as informações através em seu portal da Ascom/facebook. “A equipe da Prefeitura Municipal de Jaguaquara já está de prontidão para atender as possíveis demandas apresentadas. A equipe de infra já está pronta pra realizar a limpeza do centro da cidade para que possa restabelecer a rotina do município. Todos atentos. A população pode ficar tranquila. Caso surjam emergências, toda a equipe está de prontidão para tendê-las.”, finaliza  a nota.


BR-420 entre Itaquara e Santa Inês ficou interditado por causa das chuvas .

Quarta, 29 de Março por Juliana Ribeiro Fotos/Leitor do BCbule

Desde a madrugada que a região do vale do jequiriça, recebe grande volume de chuva, que chega  no  momento em que os municípios estão com situação de emergência pela estiagem prologada oficializados.  Em algumas cidades a chuva chegou acompanhada de trovoadas e rajadas de vento.

Assim como em Ruas centrais dos municípios que não possuem drenagem das águas, as estradas também causam problemas aos usuários. Rodovia BR-420, entre os municípios de Itaquara e Santa Inês a rodovia ficou parada por quase 01h em virtude da enxurrada que tomou conta  de u trecho da BR. As fotos acima, eivada por leitores do Itiruçu Online, mostram o momento de maior volume de água sobre a pista.