Maurício Barbosa revela que SSP tem centro de operações nunca visitado por Fábio Mota

Foto: Cláudia Cardozo / Bahia Notícias

Maurício Barbosa revela que SSP tem centro de operações nunca visitado por Fábio Mota                                                                                      Maurício Barbosa  

O secretário de Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, rebateu neste sábado (11) a afirmação do secretário de Mobilidade de Salvador, Fábio Mota, de que a pasta não responde à solicitação de participação no Centro de Controle Operacional (CCO) da prefeitura. “A SSP já possui um centro de operações no parque tecnológico, onde congrega todas as instituições da SSP e outros atores federais e municipais. Inclusive convido o secretário para conhecer, pois ele nunca foi lá”, disse Barbosa. De acordo com o secretário, para promover a segurança dos ônibus de Salvador, a pasta precisa das imagens  nítidas das câmeras instaladas nos ônibus e que elas sejam enviadas as policias em caso de roubos e outros crimes, o que não é feito. Além disso, ressaltou que possuem quase 300 câmeras fixas câmeras embarcadas nas viaturas. “Outra questão que precisamos da Secretaria de Transporte [sic] é que ela volte a proibir o busdoor no vidro de trás dos ônibus. As polícias civil e militar já se posicionaram contra a mídia pelo fato de prejudicar o patrulhamento”, disse Barbosa. Segundo ele, a Semob não se pronunciou sobre o caso. “A SSP vai estar sempre a disposição do município para oferecer parcerias em prol da população de Salvador, coisas que já são feitas em inúmeras operações integradas, inclusive com a secretaria de transporte [sic], o que é bom lembrar”, finalizou.


Ministro anuncia na Bahia corte de verba para Fiol

Foto/ Mila Cordeiro | Ag. A TARDE

fiol ba                                     Ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues

O seminário organizado, na sexta-feira, dia 10, por três importantes entidades empresariais do estado, a Federação da Indústria da Bahia (Fieb), a Federação da Agricultura (Faeb) e a Federação do Comércio (Fecomércio), para debater o Programa deInvestimento e Logística (PIL 2) quase se transforma num pesadelo para o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues. Em sua fala inicial, no auditório da Fieb, no Stiep, o ministro resolveu ser “sincero” e desagradou à plateia. Disse que a principal obra federal de infraestrutura em curso na Bahia,  fundamental para o desenvolvimento do estado, a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), planejada para ligar o oeste até o litoral de Ilhéus, não entrou no PIL 2, ou seja, não foi considerada prioritária pelo governo federal, que preferiu aplicar um grande volume de recursos na Ferrovia Norte Sul (entre Pará e Rio Grande do Sul).

Para uma plateia de empresários reunidos no auditório da Fieb, o ministro chamou o superintendente de planejamento da Valec (empresa estatal responsável pela obra), Paulo Roberto Bastos Fialho, para dar detalhes sobre como o projeto foi refeito “em função das restrições financeiras”, impostas pelo contingenciamento de R$ 69,9 bilhões promovido pela presidente Dilma Rousseff. Fialho disse que foram destinados apenas R$ 190 milhões até agosto para que a obra não fosse paralisada, recursos que serão usados para completar o que foi iniciado e preservar os trechos concluídos.

“Se em setembro a arrecadação de impostos aumentar, vamos aportar mais recursos na Fiol e esperamos em 2016 retomar o ritmo normal”, complementou o ministro, ressaltando ante o burburinho dos empresários, “não viemos aqui esconder nada, todos sabem da nossa situação, mas tudo passa”, disse lembrando que ele teme a conclusão da ferrovia sem que o complexo do Porto Sul tenha sido construído.Iniciada em 2010, a previsão inicial era concluir a Fiol em 2013. O novo prazo dado pelo ministro é meados de 2018. A Fiol está orçada em R$ 6 bilhões.Fonte Jornal atarde.


Em crise com governo, Alan Sanches critica fechamento do Centro de Convenções

Foto: DivulgaçãoEm crise com governo, Alan Sanches critica fechamento do Centro de Convenções

Deputado Estadual Alan Sanches (PSD)
Quase de saída do governo, o deputado estadual Alan Sanches (PSD) criticou o fechamento do Centro de Convenções. O deputado, em nota, afirma reconhecer a importância de uma reforma no espaço, mas ressaltou o “esquecimento” do governo em avisar as pessoas e as empresas que tinham eventos programados para o local. “A pergunta é o que serão feitas com os milhares de formandos que estão com suas festas pagas e programadas, com as empresas de eventos culturais, literários e muitas outras. Para se ter ideia, a tradicional Bienal do Livro da Bahia teve que ser adiada para 2016. Isso tudo por conta de uma decisão unilateral, sem planejamento do executivo estadual que precisa se manifestar e apresentar uma alternativa para que a população não seja a mais prejudicada”, enfatiza, complementando que, conforme informação do governo, o local só será reaberto quando apresentar todas condições de segurança. “Existe ainda a previsão de que um novo Centro de Convenções seja construído no bairro do Comércio e de que as instalações do bairro do Stiep sejam desativadas. E nós, baianos, já carentes de espaços públicos, como ficaremos?”, questiona. informações através do link BN, enviado por Edílson Rocha .

NA ITÁLIA, DILMA DISCUTE EXTRADIÇÃO DE PIZZOLATO E BATTISTI

Foto Reprodução:

A presidente Dilma Rousseff debateu nesta sexta (10) com o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, imbróglios judiciais que atingem os dois países, em uma clara referência aos processos de extradição do ex-ativista Cesare Battisti e do ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato; ela, que iniciou hoje uma visita de dois dias à Itália, foi recebida por Renzi no Palácio Chigi, em Roma, e pelo presidente italiano, Sergio Mattarella, no Palácio do Quirinal; o chefe de governo italiano disse que, no encontro, foram abordadas “questões judiciais abertas”; “Espero, penso e acredito que a renovação dessa relação possa ajudar na solução dos casos mais difícieis”, afirmou Renzi Fonte 247


Em lançamento de linhas 24h, Neto cobra SSP: ‘Sem segurança, as pessoas não usam’ET

 Foto: Luiz Fernando Teixeira
Em lançamento de linhas 24h, Neto cobra SSP: ‘Sem segurança, as pessoas não usam’

Prefeito ACM NETO
O prefeito de Salvador, ACM Neto, reconheceu nesta sexta-feira (10) que o sistema de transporte público da capital ainda enfrenta problemas, mas frisou que um dos maiores entraves ainda é a segurança. No lançamento da “Operação Corujão Salvador”, no Palácio Thomé de Souza, o gestor cobrou que a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) esteja “presente” nas linhas que atuarão entre 0h e 4h, para dar suporte ao sistema. “Se não houver segurança, as pessoas não usam e os próprios rodoviários podem fazer um movimento mais à frente”, disse, durante coletiva. Ele destacou que, apesar da crise vivida no Brasil hoje, incluindo no setor de transportes, Salvador enfrenta um momento “diferente”. Ele lembrou de ações como o “Domingo é meia” e o Bilhete Único, além do novo aplicativo do transporte público, para reforçar que a nova ação vai contribuir não só com a população, mas também com o trade turístico. “A vida noturna de Salvador é destacada, é um dos elementos que atraem os turistas. Mas a falta de transporte atrapalhava”, avalia. Segundo ele, as 15 linhas apresentadas hoje foram planejadas de forma estratégica. “Não foram linhas aleatórias. As 15 linhas têm alcance na cidade inteira. Elas são experimentais, mas se a demanda aumentar, aumenta o número de linhas, de ônibus e diminui o espaçamento das saídas dos ônibus”. Fonte BN.

 


Recesso na ALBA é suspenso para votação de projeto

Foto;Ascom Alba/Ba

A  Assembleia Legislativa da Bahia (AL) entrou em recesso na última terça (7), após os deputados estaduais aprovarem a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do governo do Estado para o exercício de 2016, mas um pedido do presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Eserval Rocha, fez com que a pausa nas atividades dos parlamentares só tenha início na próxima semana.Constitucionalmente, o Legislativo baiano deu início ao recesso do meio de ano, desde o dia 1º de julho, após a aprovação da LDO. Mas o presidente da Casa, deputado Marcelo Nilo (PDT), convocou uma sessão extraordinária para a próxima terça (14), após pedido do chefe do Poder Judiciário, para votar o projeto de lei que define o quadro de servidores da Câmara Especial do Extremo Oeste. A matéria prevê a criação de quatro cargos de desembargador e 34 cargos de juiz de direito substituto de segundo grau.Segundo o TJ-BA, a Câmara do Oeste é uma unidade judicial que, na prática, atenderá os cidadãos de todas as comarcas que desejem recorrer, após uma decisão judicial desfavorável em sua comarca. Para isso, não será mais preciso se deslocar até Salvador. Todos poderão entrar com um recurso em Barreiras.A Câmara do Oeste vai apreciar e julgar os processos em grau de recurso e os originários, oriundos das comarcas de Angical, Baianópolis, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Cocos, Coribe, Correntina, Cotegipe, Cristópolis, Formosa do Rio Preto, Luís Eduardo Magalhães, Riachão das Neves, Santa Rita de Cássia, Santa Maria da Vitória, Santana, São Desidério, Serra Dourada, Wanderley e seus respectivos distritos. Fonte ;Ascom alba.


Rui pede para Nilo dar um chá de “Seakalm” aos deputados

Por Juliana Nobre /Fotos: Gilberto Jr                                                                        Gov Rui Costa (PT),

Se o governo do estado diz que está tudo tranquilo com os deputados da base aliada na Assembleia Legislativa da Bahia, a teoria ‘caiu por terra’, na tarde desta quinta-feira (9). Durante discurso no evento de assinatura dos convênios entre a Secretaria de Educação e prefeituras, o governador Rui Costa (PT), contou que disse ao presidente da Alba, Marcelo Nilo, que levasse chá de ‘Seakalm’ para os parlamentares. Pela manhã, Rui Costa esteve na inauguração da fábrica de medicamentos do grupo Natulab em Santo Antônio de Jesus. A empresa fabrica o medicamento Seakalm, indicado para o tratamento de desordens da insônia e ansiedade. “Durante a visita recebemos o chá e eu disse a Nilo que distribuísse o chá de Seakalm para os deputados”, riu o governador. A insatisfação dos deputados perpassa pela articulação do secretário de Relações Institucionais, Josias Gomes, cobrado para atender as demandas do interior. E os deputados não querem chá de espera. Os parlamentares esperam que suas emendas impositivas sejam validadas e o pedido de mais cargos sejam atendidos. Fonte BNews.


Chapada: Delegado solta o verbo e manda recado para bandidos de Jacobina

delegado de jacobina - reprodução

Eduardo Brito Delegado da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior(Coorpin)

Em entrevista à imprensa, Brito repudiou a atitude de bandidos que atentam contra a vida de policiais durante a apresentação do balanço das operações policiais realizadas no último final de semana no município de Jacobina, na Chapada Diamantina, o delegado da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), Eduardo Brito, fez declarações duras contra; As informações são do site Bocão News.leia mais


Fábrica Natulab, amplia produção e gera 800 empregos no Recôncavo.

Fotos: Manu Dias/GOVBA
natubela
O laboratório farmacêutico Natulab inaugurou, com a presença do governador Rui Costa, na manhã desta quinta-feira (9), duas novas linhas de produção, que vão gerar 800 vagas de emprego – 300 delas preenchidas imediatamente –, no município de Santo Antônio de Jesus, localizado no Recôncavo baiano. A empresa de capital aberto, que já emprega mil pessoas na Bahia, e tem abrangência nacional, passa a produzir medicamentos em aerossol e dermocosméticos, o que, segundo o presidente da companhia, Marconi Sampaio, são o futuro no tratamento de diversas doenças, principalmente as respiratórias. “O aerossol é mais barato e é uma substância que permite a excelência no tratamento de doenças. Vamos poder atender o SUS em alto nível. A gente trabalha com a redução de custo sem perder a qualidade”, ressaltou Sampaio.                                                       
nrui
                                              Fotos: Manu Dias/GOVBA
A Natulab conta com o apoio do Governo do Estado, por meio de incentivos fiscais, e, somente em 2015, já investiu cerca de R$ 65 milhões. Até 2017, a previsão é atingir a meta de R$ 185 milhões em investimentos no ramo farmacêutico, o que deve contribuir para o crescimento econômico na região. “É muito positivo ter uma empresa desse porte oferecendo não só vagas de emprego, mas também desenvolvimento e formação de pessoas e pesquisa. Temos que comemorar e continuar apoiando esse crescimento que será ainda maior nos próximos anos”, destacou o governador Rui Costa. Fonte: Secom – Secretaria de Comunicação Social – Governo da Bahia.

Pacto: Rui conclama líderes da sociedade a ajudar a superar a violência

Pacto: Rui conclama líderes da sociedade a ajudar a superar a violência

Foto: Carol Garcia/ GOVBA
O governador Rui Costa (PT) aproveitou a presença de líderes religiosos na reunião do Comitê Executivo do Programa Pacto pela Vida, nesta quarta-feira (8), para conclamar as religiões a discutir e ajudar a superar a violência. “Todos os líderes da sociedade podem e devem se envolver e ajudar a superar este quadro difícil da cultura da violência em nosso estado e nosso país”, declarou Rui, que disse ter a intenção de “replicar isso com outras lideranças da sociedade”. O governador aproveitou a oportunidade para falar sobre o ensino de religião nas escolas, já que considera importante discutir a história do catolicismo, das religiões protestantes e os valores e princípios espíritas. “Não tenho a intenção de transformar a escola em um instrumento para cooptar as pessoas para as religiões. O que pretendemos proporcionar é conhecimento e reflexão para essa juventude, que deve discutir filosofia e referências de vida”, acrescentou o governador. Esta ideia é defendida pelo representante espírita João Neves da Rocha, para que o aluno seja estimulado na tolerância e compreensão da igualdade do ser humano, ao invés da divergência e competição. André Luiz Nascimento dos Santos, da Casa de Oxumaré, sugeriu propostas à ideia de Rui, como articulação da trajetória do povo negro na educação e envolvimento dos templos religiosos como mediadores de políticas públicas. Na reunião do comitê, ocorrida na sede do Ministério Público, estiveram presentes representantes de órgãos de segurança pública, de secretarias estaduais, da Defensoria Pública e do Tribunal de Justiça da Bahia