Milagres;Contas do Ex-prefeito Raimundo Silva (Galego) são aprovadas com ressalvas

Quinta-feira, 20 de Setembro por Camila Matos /Foto Csenna BCBule
o EX prefeito Raimundo Silva, conhecido como Galego, na época da campanha  ao lado da ex vereadora Rosa candidata derrotada nas eleições em 2016

Na sessão desta quarta-feira (19/09), o Tribunal de Contas dos Municípios concedeu, por quatro votos a um, provimento parcial ao pedido de reconsideração formulado pelo ex-prefeito de Milagres, Raimundo de Souza Silva, e determinou a emissão de novo parecer, desta vez pela aprovação com ressalvas das contas relativas ao exercício de 2016. O voto do conselheiro Raimundo Moreira, relator do processo, que opinou pela aprovação com ressalvas, foi acompanhado pelos conselheiros José Alfredo Dias, Mário Negromonte e Plínio Carneiro Filho.

O conselheiro substituto Antônio Emanuel de Souza – acompanhando o posicionamento do Ministério Público de Contas – votou pela rejeição das contas. Já o conselheiro Fernando Vita, que estava presidindo a sessão, portanto sem direito a voto – já que havia necessidade de voto de minerva para desempate – se manifestou, afirmando que também opinaria pela rejeição caso instado a se manifestar. Click  e Leia

(mais…)


Em passagem rápida por Salvador, Ciro Gomes vai a Mercado Modelo no sábado

Quinta-feira, 20 de Setembro por Camila Matos

Em uma passagem rápida por Salvador, o candidato a presidente da República pelo PDT, Ciro Gomes, vai visitar o Mercado Modelo, na tarde deste sábado (22), por volta das 15h, e depois vai subir o Elevador Lacerda, terminando o ato na Praça Municipal. A informação foi confirmada ao Bahia Notícias pelo deputado federal e presidente da legenda na Bahia, Félix Junior.

Conforme a última pesquisa Ibope, divulgada apela TV Bahia, Ciro Gomes tem 9% das intenções de votos dos baianos. A capital baiana também será palco na sexta (21) de dois presidenciáveis: Geraldo Alckmin (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL), que farão atos também no Centro Histórico.


Acm Neto chama Rui de ‘cara de pau’ após ele dizer que combinou construção de centro

Quinta-feira 20 de Setembro por Camila Matos

Governador falou que o acordo foi firmado no Palácio de Ondina, antes mesmo de o atual complexo, no Stiep, desabar parcialmente

Foto Max Haack_Ag Haack

O centro de convenções virou polêmica entre o governador Rui Costa (PT) e o prefeito ACM Neto (DEM). O governador e candidato à reeleição Rui Costa (PT) disse, em entrevista à Rádio Metrópole, na noite de quarta-feira (19), que “combinou” com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), a construção de um Centro de Convenções no bairro do Comércio. Em resposta, o gestor disse, em evento nesta quinta-feira (20), que o governador foi “cara de pau”.

O governador falou que o acordo foi firmado no Palácio de Ondina, antes mesmo de o atual complexo, no Stiep, desabar parcialmente. “Ele se ofereceu para me ajudar e agilizar a área. Estava tudo certo e combinado com o município que a área era prioritária. […] De repente, eu vejo o anuncio de que o município ia construir um Centro de Convenções. [Não recebi] sequer um telefonema para conversar sobre isso. Eu não sei agir assim”, afirmou Rui.

“Ele teve a cara de pau de dizer que me chamou para tratar do centro de convenções. Ele teve coragem de dizer isso. Eu como todos os baianos assistimos uma novela sobre o centro”, disse o prefeito, que completou dizendo que o governador se estaria com inveja já que as obras do centro de convenções municipais começaram.

Neto disse que aproveitou o discurso para fazer a declaração apenas porque teria sido provocado pelo governador. “Eu não sou candidato, não estou no debate politico para poder responder. Então aqui estou respondendo, já que houve essa provocação  injusta, mentirosa, invejosa e fruto da incompetência de quem não sabe fazer”, acusou.


Governo Rui é aprovado por 69% dos baianos, aponta Ibope

Quinta, 20 de Setembro por Juliana Ribeiro

Governo Rui é aprovado por 69% dos baianos, aponta Ibope

Foto: Mateus Pereira/ GOVBA

A gestão do governador Rui Costa é aprovada por 69% da população baiana. É o que mostra a pesquisa Ibope, divulgada na terça-feira (18).

O instituto perguntou se os entrevistados aprovam ou desaprovam a maneira como o governador, que é candidato à reeleição, vem administrando a Bahia. No levantamento, 69% disseram aprovar a gestão. Outros 18% responderam que desaprovam. Já 12% disseram não saber qual suas opiniões.

O governo Rui é melhor avaliado em Salvador do que nas cidades de interior pesquisadas pelo Ibope. Na capital baiana, 74% aprovam a gestão, enquanto 15% desaprovam. Por outro lado, nos demais municípios, a média de aprovação de Rui é de 68%, com 19% de desaprovação.

A pesquisa Ibope tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e nível de confiança de 95%. O instituto entrevistou 1.008 pessoas entre os dias 15 e 17 de setembro e protocolou o levantamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o registro 01723/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o registro 03445/2018.


Inauguração de geomanta termina em porrada entre aliados do prefeito. Veja vídeo

Quinta-feira, 20 de Setembro por Camila Matos

cerimônia para entrega de uma aplicação de geomanta em uma encosta no bairro do Cabula terminou em pancadaria entre aliados do prefeito ACM Neto (DEM), nesta quarta-feira (19).

Segundo testemunhas, a confusão aconteceu por disputa de território político entre dois líderes comunitários que já foram candidatos a vereador de Salvador: Alex Mine e Roney Santiago.

Populares contam que Roney Santiago deu uma cabeçada em Alex Mine porque se sentiu incomodado com a citação feita pelo prefeito de que a obra fora realizada a pedido do concorrente.

Mine, por sua vez, reagiu com um soco no nariz de Santiago. Os envolvidos na confusão prestaram depoimento na 11ª Delegacia Territorial, no Cabula.

Assista:


Datafolha: Bolsonaro lidera com 28% das intenções de voto; Haddad 16%

 Quinta-feira, 20 de Setembro por Camila Matos

Ciro aparece com 13%; Alckmin com 9% e Marina com 7%

Nova pesquisa do instituto Datafolha, divulgada na madrugada desta quinta-feira (20), mostra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com 28% das intenções de voto na disputa presidencial. Fernando Haddad (PT) tem 16% e Ciro Gomes (PDT) aparece com 13%. Geraldo Alckmin (PSDB) obteve 9% e Marina Silva (Rede) é a candidata de 7% dos entrevistados.

Alvaro Dias (Podemos) e João Amoêdo (Novo) marcam, cada um, 3% das intenções de voto. Henrique Meirelles (MDB) tem 2%. Estão empatados Guilherme Boulos (PSOL) e Vera Lúcia (PSTU), com 1% cada. João Goulart Filho (PPL), Cabo Daciolo (Patriota) e Eymael (DC) não pontuaram.

Os votos brancos ou nulos registraram 12%; e 5% não sabem ou não responderam.

O levantamento ouviu 8.601 eleitores entre 18 e 19 de setembro em 323 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S. Paulo e registrada na Justiça Eleitoral com o número BR06919/2018.


Após alta, Bolsonaro deve ficar no RJ e estuda ir a debate

 Quarta-feira, 19 de Setembro, por Juliana Ribeiro

Familiares e aliados do presidenciável do PSL começam a planejar passos do deputado de olho na campanha

Treze dias após ter levado uma facada que o deixou em estado grave, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) tem apresentado melhora e a possibilidade de alta começa a ser ventilada nos bastidores médicos. De olho nisso, aliados e familiares do deputado federal começam a planejar próximos passos do candidato de acordo com reportagem do UOL.

Em primeiro momento, a expectativa é de que Bolsonaro seja levado para o seu apartamento no Rio de Janeiro e fique em “home care” durante o período que antecede o primeiro turno. Com sua presença nas ruas praticamente vetada, apesar do desejo de acordo com seu filho Flávio Bolsonaro, a possibilidade de que o candidato participe do último debate do 1º turno, promovido pela TV Globo e marcado para o 4 dia de outubro foi levantada.

Tem essa parte técnica, que a gente não tem como definir, e a outra é o sentimento dele. Se ele sentir que vai lá para o sacrifício, ficar duas horas em pé com a bolsa de colostomia na barriga, com todos os transtornos e incômodo que isso causa, ele vai avaliar”, afirmou Flávio.


ACM Neto reafirma que DEM vai pedir auditoria em pesquisa: ‘Fui vítima do Ibope’

quarta feira, 19 de Setembro por Juliana Ribeiro

“O Ibope tem o hábito de cometer muitos erros”, ressaltou o presidente nacional do DEM nesta quarta-feira (19)

Matheus Morais / Jessica Galvão

O presidente nacional do DEM e prefeito de Salvador, ACM Neto, reiterou que a coligação de Zé Ronaldo (DEM), candidato ao governo do estado, pedirá uma auditoria na pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (18), que mostra o governador Rui Costa (PT) com 60% das intenções de votos, contra 7% do democrata.

“Não tenho o hábito de não comentar pesquisa. Mas não posso deixar de manifestar minha estranheza em relação aos números. José Carlos Aleluia já disse que entrará com uma ação no TRE para acessar a base da pesquisa. E vamos pedir uma auditoria. O Ibope tem o hábito de cometer muitos erros. Eu fui vítima em 2012, se dependesse do Ibope, o Pelegrino teria passado a minha frente no segundo turno e até vencido. A pesquisa não revela nem retrata a realidade”, ressaltou Neto em entrevista coletiva, depois da entrega de uma geomanta na Estrada das Barreiras.


‘Nem a pau, Juvenal’, diz Ciro Gomes sobre possível apoio a Haddad no 2º turno

Quarta, 19 de Setembro por Juliana Ribeiro
'Nem a pau, Juvenal', diz Ciro Gomes sobre possível apoio a Haddad no 2º turno

Foto: Divulgação

O candidato à presidência da República pelo PDT , Ciro Gomes, afirmou que não apoiaria o postulante ao Palácio do Planalto pelo PT, Fernando Haddad, no 2º turno “nem a pau, Juvenal”.

“Eu ser vice dele [Fernando Haddad]? Em nenhuma circustância… O Haddad aceitou desenvolver um papel que eu considero que o diminui profundamente. Esse papel foi oferecido a mim, esse é um fato real. O Lula – via Dilma Rousseff, via Roberto Requião, via Gleisi Hoffmann – me cercou por todos os lados para eu aceitar ser o vice dele de araque”, disse, durante sabatina promovida pelo G1 e Rádio CBN.

Ciro fez duras críticas ao PT e pediu para que não fosse comparado com a ex-presidente Dilma Rousseff, porque isso o ofende, e voltou a afirmar que o Brasil não suporta mais um presidente fraco que tenha que consultar o seu mentor sempre que aparece alguma crise.


Mais de 30 cidades baianas tiveram repasses federais bloqueados por dívidas

quarta feira 19 de Setembro por Juliana Ribeiro; Foto DivulgaçãoTrinta e oito cidades da Bahia tiveram repasses federais bloqueados este ano causados por dívidas previdenciárias

Trinta e oito cidades da Bahia tiveram repasses federais bloqueados este ano causados por dívidas previdenciárias. Entre janeiro e julho, as cidades em débito com a Previdência deixaram de receber pelo menos uma parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que foi direcionada para o pagamento da dívida. De acordo com a coluna Satélite, do jornal Correio*, levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) apontam que ficaram retidos, em todo o Brasil, R$ 3,61 bilhões do FPM – o que corresponde a 5,3% do total repassado pela União. Das 5.568 cidades brasileiras, 663 tiveram retenção do FPM, que é a principal fonte de receita para custeio de serviços básicos e investimentos nos pequenos e médios municípios. Ainda segundo a publicação, outro dado levantado pela entidade demonstra que o valor do FPM retido por causa da dívida previdenciária vem aumentando nos últimos anos, passando de R$ 6,17 bilhões em 2013 para R$ 7,26 bilhões em 2017. De 2013 a julho de 2018, o total chega aos R$ 38,9 bilhões.